29/06/06

Metalomecânica Literária, por Paracelso

Ainda a propósito de livrarias, na sequência daquele post ali em baixo do, o que mais me surpreende em algumas é a falta de conhecimento do ofício por parte dos empregados. Numa das Bertrand de Coimbra peço o Tia Júlia e o Escrevedor, do Mário Vargas Llosa. “Mário quê”, pergunta a empregada. – “Vargas Llosa… Llosa, Llosa…”, com dois lês, como aquele tango do Gardel, llorona, no llores maaaas… (bom, na realidade nunca me ocorre dizer estas coisas assim, na altura própria).

A senhora consultou o computador, e acabou por concluir que tal obra não existia nas bertrands de Coimbra, que são quatro. Aventou até a possibilidade de a coisa ter saído muito recentemente e entonces… Não é estranho um funcionário de livraria nunca ter ouvido sequer falar do tal Mário? É que o homem é uma celebridade; está para a literatura como o parafuso está para o mundo das ferragens e drogarias. Ora, quando vamos a uma loja de ferragens pedir parafusos, a última coisa que nos passa pela cabeça é que o empregado nos diga: “para… quê? fuso? não, ó amigo, desse material ainda não temos, sabe, é que as novidades tecnológicas às vezes demoram a chegar à loja, efeitos da interioridade”. Normalmente dirá: “ó meu amigo, parafusos há muitos, quer de fenda simples ou cruzada, para o de fenda simples tem que ter uma chave de fendas a condizer, e afinal o meu amigo quer o parafuso para que efeito, e não se esqueça das anilhas e porcas”, etc. E o mundo da literatura não é muito diferente do mundo da metalomecânica.

Imaginemos que chego a uma livraria e digo - ”ora viva, amigo Freitas, quero levar que ler na praia, estou inclinado para o Kafka”. Pois o Freitas deve então responder qualquer coisa como isto: - “Ó meu amigo, Kafkas há muitos. quer o das novelas ou o dos diários? E se quer que lhe diga, se é para levar para a praia, não se meta nisso que dá mau resultado. Leve antes o Ovídio, que o bucolismo campestre é mais eficaz a temperaturas superiores a trinta e cinco graus”. – “E como aplico?” – “Olhe, o amigo abre o livro a meio e pega-o com a mão direita, assim ó, e com a mão esquerda pega numa gaiola com um grilinho. E depois senta-se numa esplanada na praia e pede um copo de água e um pão torrado com doce de abóbora. Em cinco minutos está rodeado por dez suecas de óculos redondos, garantido”.

Deviamos até poder levar os nossos livros para assistência técnica. - “Ó amigo Freitas, a métrica deste madrigal está incorrecta, ora veja, dez, dez, dez… nove! Li isto à minha namorada e ela rompeu o contrato de namoro, por erro técnico! Eu que sempre fui aqui bem servido, e agora isto…”. - “Tem o meu amigo muita razão, e não é o primeiro a queixar-se. Mas o defeito é de origem e a fábrica diz que já acabou essa linha de produção. Mas se quiser, tenho um primo que lhe arranja isso, mete-lhe mais uma sílaba no verso e a coisa fica perfeita, deixe cá e passe daqui a uma semana”. - “Mas tem a certeza que fica bem?”. - “Ó meu amigo, nem de propósito, tenho aqui um Ovídio arranjado para entrega. Olhe para esta qualidade, posso batê-lo aqui no balcão que a métrica não se desmancha. Garanto-lhe que nunca mais sai”. Mas pronto, ó meus amigos, o mundo nunca é como nós queremos.

1 comentário:

Anónimo disse...

[url=http://www.vuittonhandbags2u.com/#louisvuittonhandbags]louis vuitton handbags[/url], I got myself the particular louis vuitton Triplet Bailey pulls on Gray to supplement your first match (Higher Timeless classics inside Timeless sand). I wished for much more pattern and also had hoped for a similar level of comfort plus healthy mainly because my favorite Vintage Talls. My Timeless Talls will always be definitely the of these two. The Baileys are indifferent specifications 6, yet they come to feel the 1/2 over all size too big and also accommodate is noticeably loose. The filling additionally can feel more delicate and not just for the reason that rich as the diploma in my small Retro classics.Irrrm a sucker for the look of a lot of these, nonetheless usually identify personally grasping typically the Game titles.
Merely gained each of these [url=http://higts.overblog.com/]louis vuitton handbags[/url] through the deep-fried colors there isn't anything really like them all. they are brilliant for Wi snowfall! I've had louis vuitton prior to now having said that for no reason a real natural leather approach. I in the morning speculating on the right way to remedy all of them. they appear to only find nicked look at more distressed. Is furthermore there in any manner to cover them? The majority of the [url=http://shoplouisvuittononlines.overblog.com]shop louis vuitton[/url] good care mention that it should be to obtain far better. give many thanks
I totally really like these [url=http://louisvuittonoutletonlines.overblog.com#louisvuittonoutletonline]louis vuitton outlet online[/url] because there so fashionable and rarely put on which may make them unique. These louis vuitton are so fashion which I recommend I like them so substantially and I'm undoubtedly bringing them for my travel to Florida .
i really havee not one but two couples ! brief proverb & bailey switch chocolatee & i prefer louis vuitton < Three or more . that they keep on all of us vogue and nice non-stop ! generally there worth the profit ! i just plann to obtain location blue as well as a blue set with a several monthss . : )
When i noticed these I had to try them! I was elated after they arrived! They're soooo very smooth, and attractive! I've under no circumstances stepped in nearly anything this incredible..it is really like heaven ! I love how furry they may be.it can be pretty exceptional and they're substantially more furry than they look from the photograph =) I'll absolutely be purchasing additional louis vuitton in the future!