19/06/06

Queijo Pauleta, Pim, por Sumo de Vaca

No Sábado e pela enésima vez, alguém deu pelo Pauleta, a não ser pela ausência? Quantos de nós não torceram pela entrada do Nuno Gomes? E nada, nada dele e nada do Scolari que teima em manter o Lambreta. Que só marca depois de lhe abrirem a baliza cinco ou seis vezes por jogo. O Motoreta não joga um caracol, não domina a bola, não tem visão de jogo, não tem qualquer sentido de colocação. Bola passada pra ele, é bola pró Maneta. Parece uma ave pernalta que anda práli a correr atrás dos defesas? A correr atrás dos defesas? Mas é aquilo um avançado? E ainda há gente que vem com os golos do Trotineta! Mas há alminha alguma que não marcasse aqueles golos depois das enésimas oportunidades falhadas? Se o trambolho do Scolari tivesse dado o mesmo nº de oportunidades, jogos, minutos de jogo, insistência, re-insistência e tri-insistência num Nuno Gomes ou num Postiga, alguém acredita que não teríamos um nº de golos superior? Pode-se até questionar isso, mas era inquestionável que depois de tanto e tanto jogo em branco, o Nuno Gomes ou o Postiga já tinham ido pró jeta e dado à chineleta. Mas com o Anacoreta, nada, fica e refica!, Qual quê lá teremos até fim dos tempos a Fénix renascida do Passareta, que de jogo em jogo renasce em bicho coxo! Como o Scolari não vê ou não quer ver, a nossa única hipótese é a Independência dos Açores. Liberdade pró Perneta já!

Sem comentários: