05/03/09

Don`t Let me Down, por Mr. Kite

Esta ouvi-a de manhã na rádio: uma universidade de Liverpool acaba de criar um mestrado em Beatles. Não sei se é um disparate como pode parecer a mentes mais conservadoras. Se fosse um mestrado em Mozart ou em Wagner já estaria bem? E porque não em Rolling Stones em Jimi Hendrix ou em Madonna?

Esta coisa da cultura pop baralha-me um bocado, literalmente baralha-me, não sei o que hei-se pensar, mas em príncípio nem acho mal a iniciativa. Por mim frequentava na boa um mestrado sobre os Beatles. E vocês o que é que acham?

11 comentários:

Anónimo disse...

Mr. Kite, a mim espanta-me é que não haja mais mestrados em Beatles e que só agora apareça um. É um dos fenómenos culturais mais importantes do século XX. A pop, já de si, é um dos fenómenos culturais mais importantes do século passado e deste. Se isso não é motivo de mestrado, não sei o que será...

yoko

Anónimo disse...

Dear Yoko
A minha sensibilidade é essa também, já vi mestrados completamente estapafúrdios nas chamadas ciências da educação em green keeper de campos de golfe e outras coisas que tais. Ao pé disso o mestrado dos beatles é até muito pacífico.
All you need is love, mene
John

Anónimo disse...

eu achava bem era um mestrado em favas aporcalhadas mailos seus enchidos de porco preto.

maitre

Cãome toghether disse...

Um mestrado em José Afonso - homem, obra(s) e época(s) estaria bem.
O Tony Carreira também já vai merecendo.
Beatles, claro.
E os Stones, os Stones.
E a Susi Quatro.
E Monteverdi.
E Léo Ferré.
Mestrados, venham eles.
Entretanto, as fábricas fecham em on-shore: come together, everybody now.

Anónimo disse...

Cão, fábricas a fechar também dá bons mestrados. E as crianças do Biafra, Deus meu?

Saindo do neo-realismo e voltando à pop fria, eu acho que até deveria haver um Instituto Superior de Estudos Beatlianos, ou Stonianos. Cadeira semestral do primeiro ano: Semiótica do "Come Together". Masturbação Colectiva ou Corrida de Meio Fundo?

Yoko

Dan Cãoke disse...

essa do neo-realismo tem a sua piada, sobretudo (tudo o indica) provindo de um leitor de dan coelho e de paulo brown.
fábricas a fechar não dão mestrado, pá.
dão miséria.
(miséria? ver pág, 53 d'O Alquimista e 173 do dávinze. ou o carago)

Anónimo disse...

Porca miséria. Tanta pobreza e gente a morrer de fome, tanto menino ranhoso a pedir uma esmolinha e vocês aqui nesta pouca vergonha dos blogs. Ide mas é trabalhar, corja de inúteis. Só à bomba, burgueses do catano!
FP 25

Otôlo raiva de caravalho disse...

até quinfim aparece um comentário de jeito. ganda fp 25!

Anónimo disse...

átão nao sed arrnja uma gorjazita para o fp25? tá mal

01 de maio

murasaki disse...

let it be.

Anónimo disse...

E quais é que seriam as cadeiras de um tal curso?